17/12/2021 às 15h12min - Atualizada em 18/12/2021 às 00h01min

Controle do vírus de bronquite infecciosa em aves é tema de palestra

Diretor da Phibro Saúde Animal abordou protocolos de vacinação contra diferentes cepas do vírus IBV

SALA DA NOTÍCIA Vitorya da Cruz Paulo
Phibro Saúde Animal
Divulgação

O controle do vírus da bronquite infecciosa (IBV) em aves foi o ponto central da palestra realizada pelo diretor global de marketing da Phibro Saúde Animal, Luis Etcharren. A apresentação integrou a programação do workshop sobre atualização em Bronquite Infecciosa, Laringotraqueíte e Influenza Aviária promovido pela Fundação Apinco de Ciência e Tecnologia Avícolas (FACTA). O evento foi acompanhado por mais de 150 inscritos do Brasil, Paraguai, Holanda, Estados Unidos e Malásia.

Luis abordou o controle das variantes do vírus de bronquite no mundo e a proteção conferida com vacinas homólogas e vacinas heterólogas para as cepas. "A bronquite infecciosa é um coronavírus específico que infecta as aves, e foi identificado pela primeira vez em 1931. Hoje, nós sabemos que o vírus se replica no trato respiratório com sinais clínicos relacionados, mas também pode se espalhar pelos tratos urogenital e intestinal", explicou o diretor.

O vírus causa perdas consideráveis na produção e qualidade dos ovos em aves de postura, além de reduzir a performance e causar mortalidade em aves de corte. A primeira variante do vírus foi identificada em 1951. Mais tarde, em 1960, a primeira vacina foi desenvolvida na Holanda. "O rápido crescimento da indústria de aves e a rápida habilidade do vírus em fazer mutações levou ao surgimento de várias cepas, como a 793B, QX, Q1, Variant 2", pontuou Luis. As variantes na América do Sul são nomeadas de BR1 e BR2.

Para controlar o vírus com sucesso e segurança, o diretor apresentou as soluções da Phibro: a vacina de vírus vivo atenuado para a bronquite infecciosa TAbic IBVAR206, desenvolvida a partir da cepa IS/1494/06; a vacina TAbic IB Var, desenvolvida a partir da cepa IB (IS233); e a vacina TAbic H-120, desenvolvida a partir da cepa HUYBEN 120. Sobre programas de proteção homólogos, Luis afirmou que "a vacinação com a cepa que combina com a linhagem de vírus de campo se mostra uma estratégia muito efetiva". Já sobre os programas de proteção heterólogos, o diretor destacou que "a vacinação com dois tipos diferentes de linhagens de vacina podem proteger efetivamente contra vírus de campo heterólogos, porém com menor eficiência". 

Sobre a Phibro

A Phibro Saúde Animal é uma das mais importantes indústrias veterinárias e de nutrição animal do mundo. Criada em 1916, nos Estados Unidos, está presente no Brasil há 25 anos, oferecendo produtos para suínos, aves, bovinos de corte e de leite, peixes e camarões, além oferecer soluções para a produção de fontes energéticas renováveis. Para mais informações, acesse: www.pahc.com/brasil.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tcheerechim.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp