16/03/2022 às 18h19min - Atualizada em 17/03/2022 às 00h00min

UNIDAS lança painel de indicadores econômicos da saúde suplementar

Construída usando os dados das filiadas participantes, a UNIDAS BI tem como objetivo auxiliar as filiadas na tomada de decisões e foi apresentada em evento realizado em São Paulo

SALA DA NOTÍCIA Agência Pub
UNIDAS

Com o objetivo de ajudar suas filiadas na tomada de decisões, a UNIDAS — União nacional das Instituições de autogestão em Saúde lançou, na última sexta-feira (11), o UNIDAS BI, uma ferramenta de análise de dados com diversos indicadores econômicos do segmento construídos a partir da base de informações das filiadas que aderiram ao projeto. Por meio do BI, é possível gerar informações que auxiliem as operadoras na busca por oportunidades, melhorias, e na construção de novos modelos de remuneração. A entidade quer ajudar as autogestões, também, na tomada de decisões, oferecendo comparativos para que o gestor possa entender, por exemplo, como estão os valores que ele paga numa internação em comparação com outras operadoras de saúde. 

“Esse produto da UNIDAS, desenvolvido em parceria com a TopDown, somente nós podemos oferecer. Como as autogestões não competem entre si, utilizaremos nossas informações de maneira colaborativa para fazer negociações mais eficientes. Por isso, o UNIDAS BI é um produto único no mercado”, afirmou o presidente da entidade, Anderson Mendes. “Hoje, a tomada de decisões baseada em dados é o coração de todas as empresas e não seria diferente nas autogestões”, complementa. 

Na primeira versão do dashboard, sete operadoras filiadas à UNIDAS participaram, entre elas a CAPESESP. João Paulo dos Reis Neto, conselheiro deliberativo da UNIDAS e diretor-presidente da Capesesp, destacou a relevância do compartilhamento de dados. “Todas as vezes que temos acesso a mais dados e informações em saúde, conseguimos reduzir algumas incertezas que temos no dia a dia como gestores”, explicou. Os dados foram padronizados para que pudessem gerar os comparativos. Algumas das informações fornecidas são: custo per capita geral de procedimentos (por especialidade, grupo, faixa etária, UF), custo médio por cirurgia, por dia de internação (incluindo em UTI), quantidade de consultas eletivas em pronto-socorro, valor pago por consultas de especialidade, sinistralidade, variação do custo médico-hospitalar, entre outros dados. 

“Tivemos o cuidado de padronizar as informações para gerarmos indicadores confiáveis e tratá-los seguindo tudo o que a LGPD pede”, destaca Leandro Araújo, gerente executivo da UNIDAS e responsável pelo projeto. “Para ter acesso às informações, as autogestões precisam compartilhar sua base de dados. Essa é uma ferramenta que traz um ganho enorme em inteligência para os participantes e só poderá acessá-la quem efetivamente contribuir com a formação do banco de dados”, complementa. 

A versão 1.0 do UNIDAS BI já está disponível para adesão na intranet da UNIDAS. Clique aqui para ser direcionado. 

Lançamentos e posse — Além da UNIDAS BI, o evento realizado na sede do Banco do Brasil em São Paulo também teve o lançamento da Pesquisa Nacional UNIDAS 2022; da 5.ª Edição da Revista de Direito da Saúde Suplementar; e do livro Operadoras de Saúde — Como se Preparar para a Acreditação. Na ocasião, tomaram posse a nova Diretoria Nacional, os Conselhos Fiscal e Deliberativo, eleitos em dezembro para o triênio 2022-2024. “Estamos muito felizes em poder continuar o trabalho que iniciamos, rumo a tornar a UNIDAS um hub de compartilhamento de informações e inovações para as operadoras de autogestão”, destaca Anderson Mendes, presidente reeleito da entidade. 

O diretor de integração, Werner Dalla, apresentou os principais resultados da Pesquisa UNIDAS 2021/2022, que mostra no detalhe o impacto da Pandemia do Coronavírus nas autogestões e nos principais indicadores econômicos e de uso dos planos. O estudo é uma referência para a saúde suplementar e no segmento de autogestões para mostrar uma série de indicadores como taxa de sinistralidade, envelhecimento populacional, uso do plano, inflação da saúde entre outros dados, com dados gerais, por estado, faixa etária e gênero. A pesquisa estará disponível integralmente no site da UNIDAS a partir do dia 22 de março. 

Além da Pesquisa, a 5.ª Edição de Revista de Direito da Saúde Suplementar, uma iniciativa da Comissão Jurídica da UNIDAS foi apresentada aos participantes do evento. O objetivo da publicação é o compartilhamento de informações e uma maior proximidade com o judiciário, servindo como fonte de pesquisa de princípios específicos da saúde suplementar, com o objetivo de esclarecer questões específicas do setor. Por último, também ocorreu o lançamento do livro Operadoras de Saúde — Como se preparar para a Acreditação, da autoria de Rosângela Catunda cujo prefácio é do presidente da entidade, Anderson Mendes. 

Sobre a UNIDAS   

A UNIDAS - União Nacional das Instituições de Autogestão em Saúde é uma entidade associativa sem fins lucrativos, representante das operadoras de autogestão do Brasil - segmento da saúde suplementar em que a própria instituição é a responsável pela administração do plano de assistência à saúde oferecido aos seus empregados, servidores ou associados e respectivos dependentes. Atualmente, a UNIDAS congrega cerca de 4 milhões de vidas e mais de 100 filiadas nos Estados e no Distrito Federal.   

Ciente do seu compromisso de discutir a saúde suplementar, a entidade tem como objetivo fortalecer a competitividade das autogestões, levar soluções e conhecimento para as instituições e atuar permanentemente junto às agências reguladoras – Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), ao Ministério da Saúde, ao Congresso Nacional, entre outras instâncias governamentais. Anualmente, dois grandes eventos são promovidos – o seminário e o congresso, ambos com o intuito de difundir conhecimento, promover a troca de informações e incentivar o debate sobre gestão de saúde. 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp