01/08/2022 às 13h40min - Atualizada em 01/08/2022 às 16h00min

Nova Zelândia reabre fronteiras após dois anos de pandemia

Visitantes precisam estar vacinado contra Covid-19 e realizar dois testes ao chegarem no país, mas quarentena não é mais obrigatória

Jovem Pan
https://jovempan.com.br/noticias/mundo/nova-zelandia-reabre-fronteiras-apos-dois-anos-de-pandemia.html

Depois de dois anos, a Nova Zelândia reabriu nesta segunda-feira, 1, totalmente as fronteiras internacionais, que estavam fechadas desde março de 2020 quando a pandemia de Covid-19 começou. Desde fevereiro o país já vinha reabrindo suas fronteiras para alguns países em que não há necessidade de vistos, mas, a fase final de reabertura aconteceu no domingo, à meia-noite local, quando a fronteira marítima foi aberta e os pedidos de vistos para todos os estrangeiros liberados. “Tem sido um processo gradual e cauteloso de nossa parte desde fevereiro, enquanto nós, juntamente com o restante do mundo, continuamos a gerenciar uma pandemia global muito ativa, mantendo nosso povo seguro”, disse a primeira-ministra Jacinda Ardern durante discurso em Auckland.

Contudo, apesar da flexibilização, quem chega a Nova Zelândia precisa estar vacinado contra Covid-19 e fazer dois testes após a chegada. Não há necessidade de fazer quarentena. Essa mudança nas regras deixa a população otimista, visto que o turismo costuma ser grandes contribuintes para a economia. “Estima-se que o retorno do turismo internacional leve tempo, pois as pessoas de todo o mundo ainda ganham confiança para viajar”, disse o diretor executivo da Tourism New Zealand, René de Monchy. “O turismo da Nova Zelândia está trabalhando duro para estimular visitas de mercados-chave para impulsionar a recuperação do setor e apoiar a economia do país”, acrescentou. Antes da pandemia, o turismo gerou US$ 25,7 milhões para o Tesouro nos 12 vezes anteriores a março de 2020.

*Com informações da AFP

Fonte: https://jovempan.com.br/noticias/mundo/nova-zelandia-reabre-fronteiras-apos-dois-anos-de-pandemia.html

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp