19/05/2022 às 20h33min - Atualizada em 20/05/2022 às 00h02min

Bolsonaro ironiza casamento de Lula: “Quero saber se convidou pobre”

Na live que realizou nesta quinta, o presidente teceu vários ataques ao petista, seu principal adversário na corrida pelo Planalto

Metrópoles
https://www.metropoles.com/brasil/politica-brasil/bolsonaro-ironiza-casamento-de-lula-quero-saber-se-convidou-pobre

O presidente Jair Bolsonaro (PL) ironizou nesta quinta-feira (19/5) a lista de convidados do casamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) com Rosangela “Janja” da Silva. “Quero saber se algum pobre foi convidado para o casamento dele ontem”, disse durante sua transmissão ao vivo nas redes sociais.

“Olha o casamento dele [Lula] ontem… Quero saber se algum pobre foi convidado para o casamento dele ontem. Alguém do MST, do MTST, algum quilombola, algum que no passado aí invadia terras, algum pobre. Pelo o que eu estou sabendo até agora não teve ninguém, só teve gente de boa lá. Ou seja, socialismo para você [população], capitalismo para mim [Lula]”, afirmou Bolsonaro.

O casamento do petista foi realizado em uma casa de eventos na Avenida Morumbi, na zona sul de São Paulo, e contou com a presença de várias personalidades da política e da cultura brasileiras.

0

Ataques a Lula

Na live desta quinta, Bolsonaro teceu várias críticas a Lula. Ele citou uma notícia que diz que o programa eleitoral do adversário não falará em aborto e na regularização da mídia – pautas que o petista vinha defendendo.

“Não deu certo, não ficou legal para ele. […] O aborto, pessoal, para o PT aprovar o aborto, ele não precisa do Congresso. Acho muito difícil o Congresso aprovar o aborto”, disse o presidente.

Segundo ele, Lula seguirá o exemplo da Colômbia e irá permitir o aborto até o sexto mês de gestação por meio do Supremo Tribunal Federal (STF).

No mês passado, o atual chefe do Executivo disse que, caso o petista seja eleito chefe do Executivo federal, ele indicará ministros “abortistas” para o STF.

Em fevereiro, a Corte Constitucional da Colômbia descriminalizou o aborto nas primeiras 24 semanas de gravidez. Com a decisão, mulheres que optarem pelo aborto até o sexto mês de gravidez não serão punidas.

Antes da determinação, a Colômbia só permitia o aborto em casos de estupro, se a saúde da mãe estivesse em risco, ou se o feto apresentasse alguma malformação que comprometesse a sua sobrevivência.

O post Bolsonaro ironiza casamento de Lula: “Quero saber se convidou pobre” apareceu primeiro em Metrópoles.



Fonte: https://www.metropoles.com/brasil/politica-brasil/bolsonaro-ironiza-casamento-de-lula-quero-saber-se-convidou-pobre
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tcheerechim.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp