25/05/2022 às 17h32min - Atualizada em 25/05/2022 às 18h01min

Rio Grande do Sul registra crescimento nas médias móveis de mortes e casos por Covid

Rio Grande do Sul registra crescimento nas médias móveis de mortes e casos por Covid - Jornal O Sul

O Sul
https://www.osul.com.br/rio-grande-do-sul-registra-crescimento-nas-medias-moveis-de-mortes-e-casos-por-covid/

Outras 12 mortes por Covid-19 foram notificadas pela Secretaria da Saúde (SES) no Rio Grande do Sul. Com os registros desta quarta-feira (25), o Estado atinge 39.472 vítimas da doença desde o início da pandemia, em março de 2020.

Os óbitos informados pela SES ocorreram, na maioria, em maio, com exceção de um que aconteceu em abril. As vítimas, seis homens e seis mulheres, tinham entre 55 e 92 anos.

A média móvel de mortes é de oito registros diários. Como, há 14 dias, a média era de sete óbitos, houve um aumento de 28% no período, o que significa tendência de alta. A variação é impactada pela base baixa, na qual qualquer mudança apresenta percentual significativo.

Também foram notificados pela secretaria mais 6.474 infectados, alcançando 2.408.431 registros. A média diária de casos é de 3.354 infecções por dia na última semana. O indicador subiu 15% em relação à média de 14 dias atrás, dentro do limite de estabilidade.

Hospitalizações

Nos leitos clínicos, de acordo com a atualização mais recente, 469 pacientes têm confirmação e 190 estão com suspeita de Covid. A taxa de ocupação dos leitos de UTI no Rio Grande do Sul é de pouco mais de 72%, com 1.810 pacientes em 2.495 vagas. Houve uma redução de sete pacientes em 24 horas.

Do total de pessoas em terapia intensiva, pouco mais de 11% têm Covid (138 pessoas) ou a suspeita da doença (72 pessoas).

Vacinação

O vacinômetro não é atualizado desde segunda-feira (23). A última atualização mostra 4.822.244 pessoas, ou seja, 42% da população com o esquema com três doses ou duas, para quem recebeu a primeira da Janssen.

Além disso, outras 185 mil doses adicionais foram aplicadas em pessoas com baixa imunidade e outras 199 mil, como quarta dose. Desde a última semana, o estado autoriza a aplicação da quarta dose para pessoas com mais de 60 anos. Em Porto Alegre, o município atende maiores de 65 anos.

Apesar disso, 2,9 milhões de pessoas estão com o reforço em atraso, além de 744 mil que sequer completaram o esquema vacinal primário.



Fonte: https://www.osul.com.br/rio-grande-do-sul-registra-crescimento-nas-medias-moveis-de-mortes-e-casos-por-covid/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tcheerechim.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp